Tradução Juramentada para certidão de casamento

A tradução juramentada para certidão de casamento é um trabalho que só pode ser realizado por um tradutor público especializado, para que o documento tenha validade no exterior. A tradução juramentada de certidão de casamento é necessária para processos de imigração, casamento, cidadanias estrangeiras, vistos e demais procedimentos de valor internacional.

No post de hoje veremos como funciona a tradução juramentada para certidão de casamento e como ela é realizada.

Tradução juramentada, o que é?

Quando há necessidade de traduzir um documento para outra língua, é preciso que a tradução tenha sua autenticidade comprovada. Ou seja, é necessário possuir uma garantia de que tudo que está inserido no documento e foi traduzido para outro idioma é realmente verdadeiro e não sofreu nenhum tipo de alteração.

Para que essa fidelidade possa ser atestada é preciso recorrer a tradutores juramentados – ou tradutores públicos. Eles são profissionais especializados concursados e cadastrados na Junta Comercial do Estado, isso os torna qualificados para fazer as traduções de documentos e qualquer outro item que necessite de fidelidade absoluta nas informações.

Eles possuem a autorização da Junta em que reside para poder prestar o serviço no idioma que prestou o concurso, português/inglês – inglês/português; português/alemão – alemão/português, etc.

Para que serve a tradução juramentada de certidão de casamento?

É um documento que passou por uma tradução juramentada para outro idioma e possui validade no país em que foi traduzido. Caso ele tenha sido redigido na língua inglesa e sua tradução pública foi de língua portuguesa, ele terá validade somente no Brasil.

A tradução juramentada de certidão de casamento é muito comum quando falamos em viajar para o exterior, principalmente quando questões de moradias estão envolvidas, quando tratamos de questões de dupla cidadania ou até mesmo mudanças de emprego.

·         Solicitação de cidadania

Para realizar a solicitação da dupla cidadania, é preciso enviar diversos documentos, entre eles a certidão de casamento.

Independentemente de estar fazendo o processo via judicial ou administrativa, é preciso enviar todos os documentos traduzidos por um profissional para que eles possam ter validade no exterior.

Não é necessário enviar este documento quando a solicitação é feita por meio do próprio casamento, já que não é possível casar mais de uma vez. A certidão pode ser requisitada no Brasil e, por isso, ela pode precisar passar pelo mesmo serviço de tradução juramentada.

·         Visto de trabalho

A mudança de trabalho para um país no exterior, como para os Estados Unidos, pode mudar todos os planos, incluindo a moradia. Caso o homem tenha recebido a proposta para se mudar para a América do Norte, ele consegue obter a cidadania americana por meio do visto L1, ele disponibiliza o direito de trabalhar em uma empresa específica, a esposa vai receber o visto L2, dando o direito de trabalhar em qualquer empresa americana.

Essa possibilidade só vai ser possível por meio da confirmação do casamento, por isso será necessária a tradução juramentada da certidão de casamento.

Prazo para a tradução juramentada da certidão de casamento

O tempo de finalização para a tradução juramentada da certidão de casamento pode variar, dependendo de alguns fatores e do profissional que a fizer. Qual a urgência da tradução e o idioma podem alterar esse tempo.

A média é de algumas horas ou até dias. Documentos mais técnicos podem levar até algumas semanas.

Valor da tradução juramentada da certidão de casamento

Os valores da tradução juramentada são tabelados, por isso possuem o mesmo valor independentemente de quem realizar o trabalho. O documento vai ser cobrado pelo número de laudas, assim, o que pode acontecer é que um documento traduzido para o alemão possuir um valor diferente do que se traduzido para o espanhol, por conta do número de caracteres contidos no documento.

Outro fator que pode alterar os valores é a característica do documento, podendo ser comum – sem termos técnicos – ou especial – com termos técnicos.

Legalização de certidão de casamento

·         Para uso no Brasil

Se o país onde o casamento foi realizado for signatário da Convenção da Apostila de Haia, a apostila é feita em órgãos autorizados no país em que ocorreu a celebração.

Mas se o casamento tenha sido realizado em um país não signatário, a legalização da certidão deve ser feita na repartição consular brasileira – consulado ou embaixada – no país de emissão. O caminho a ser percorrido para a legalização de documento público estrangeiro está, muitas vezes, explicado nos sites das repartições.

Após a legalização dos documentos, eles devem ser enviados para a tradução, realizada por um tradutor público juramentado.

·         Para uso no exterior

Entrou em vigor no Brasil, em 14 de agosto de 2016, a Convenção de Haia no país. Caso o território em que a certidão de casamento for apresentada seja uma país signatário da Convenção da Apostila de Haia, a apostila é feita em cartórios nas cidades capitais do Brasil.

Caso o país onde a certidão de casamento será apresentada não seja signatário da Convenção da Apostila de Haia, deve ser consultado o passo a passo do procedimento para a legalização do documento público estrangeiro com a Embaixada ou Consulado. Por isso é preciso contratar uma empresa especializada e que tenha profissionais de segurança. Na 4doc é possível saber a procedência do tradutor juramentado, ver suas traduções antigas e escolher o que melhor realizar o trabalho.

Fique bem informado dos acontecimentos do dia dia e sobre assuntos que somente aqui são abordados e destrinchados para você leitor estar sem bem informado e consumindo conteúdo de qualidade em nosso portal de conteúdo. Seja bem vindo ao Jornal Agora Brasil e fique a vontade

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 − 9 =