Formas de consultar CNPJ: onde e por que pesquisar?

O CNPJ é um número de identificação que toda empresa aberta e formalizada na Receita Federal recebe. É o equivalente ao CPF das pessoas físicas. Para ter certeza que seu parceiro de negócio é confiável, você pode usar uma das formas de consultar o CNPJ.

Como pessoa jurídica, qualquer empresa, independentemente do porte, precisa recolher seus impostos e emitir notas fiscais. 

Isso garante que ela fique em dia com o Fisco e se mantenha ativa no mercado, passando mais credibilidade e confiança nos acordos comerciais.

Que garantir que seus fornecedores e clientes são empresas idôneas e criar relacionamentos duradouros? Continue a leitura e aprenda as diferentes formas de consultar um CNPJ.

O que é CNPJ?

CNPJ é a sigla para Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica, um número que a Receita Federal gera para identificar cada empresa que é aberta no país

Ou seja, apenas com esse dado, você consegue saber os principais detalhes públicos de uma empresa como:

  • Nome empresarial;
  • Título do estabelecimento (nome fantasia);
  • Data de abertura;
  • Atividade principal e secundárias com os respectivos CNAEs;
  • Natureza jurídica com o código;
  • Endereço completo com telefone;
  • Situação cadastral.

Esses dados formam um documento chamado de Cartão CNPJ e pode ser acessado online como explicaremos nos próximos tópicos.

Por que fazer a consulta de CNPJ?

Utilizar uma das formas de consultar CNPJ é importante para conhecer melhor os fornecedores, parceiros e clientes do seu negócio.

Ter um banco de dados completo com as principais informações das empresas que fecham contratos e vendas ajuda na análise de compliance e no processo de homologação.

Dessa forma, seu time consegue estar sempre um passo à frente, evitando fechar negócios com empresas com CNPJ suspenso ou cancelado ou ainda que possuem pendências com o Fisco.

Afinal, se o parceiro não se mantém em dia com as obrigações tributárias, é um risco confiar que ele vai honrar com os pagamentos com a sua empresa.

Então, esse processo de consulta do CNPJ deve acontecer antes para que não haja dúvidas sobre a confiabilidade de cada um dos potenciais parceiros. 

Quais são as formas de consultar CNPJ de fornecedores e parceiros?

Para passar longe de fechar negócios pouco confiáveis ou cair em golpes e fraudes de pessoas mal intencionadas, você pode usar uma das formas de consultar CNPJ a seguir:

  • Portal da Receita Federal;
  • Portal do Empreendedor;
  • Cartório de Protestos;
  • Aplicativo CNPJ;
  • Consultas pagas;
  • Consulta automatizada via API do NFE.io.

Aprenda o passo a passo para consulta em cada canal:

1. Portal da Receita Federal

A primeira forma de consultar o CNPJ é pelo Portal da Receita Federal. Vários processos simples como pesquisas de dados foram digitalizados, facilitando o dia a dia dos empresários.

Com a Instrução Normativa RFB nº 1.863, de 2018, foi criado o portal para emissão do Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral de Pessoa Jurídica pela internet.

Para consultar, basta acessar a página da Receita, digitar o CNPJ, validar o Captcha e clicar em pesquisar para visualizar a ficha completa da empresa.

2. Portal do Empreendedor

Outro canal que é possível utilizar como forma de consultar o CNPJ é o Portal do Empreendedor. Esse site é voltado para os Microempreendedores Individuais (MEIs).

Então, caso seu parceiro de negócio esteja enquadrado nessa natureza jurídica, você pode ter acesso ao status do CNPJ usando o número do CPF do empresário. 

Acessando a página de Serviços para MEI, clique na opção “Emissão de Comprovante MEI” e, em seguida, clique em “Comprovante de MEI”.

Informe o CPF e a data de nascimento do titular nos campos correspondentes do formulário online e, depois, aparecerá na tela todas as informações da empresa, incluindo o número de CNPJ.

3. Cartório de Protestos

Quer mais detalhes sobre um fornecedor/parceiro? Outra forma de consultar o CNPJ e ainda ter acesso ao histórico de dívidas em protesto da empresa nos últimos cinco anos é indo até o Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil (IEPTB), chamado também de Cartório de Protestos.

A consulta é gratuita e basta saber onde fica a unidade do cartório na sua cidade e ir até lá para pedir a checagem.

4. Aplicativo CNPJ

O aplicativo ‘CNPJ’ desenvolvido pela Receita Federal também é outra forma de consultar o CNPJ gratuitamente.

Basta fazer o download em qualquer dispositivo móvel — smartphone ou tablet de ambos os sistemas operacionais, Android e iOS — para ter acesso a ficha completa de qualquer  empresa.

O app é útil, seguro e agiliza a pesquisa, tornando a checagem mais prática.

5. Consultas pagas

Além das formas de consultar CNPJ que são gratuitas, também existem tipos de consultas que são pagas.

Empresas especializadas como a Serasa Experian oferecem serviços de consulta de CNPJ, entre outros, dando aos clientes acesso aos dados cadastrais de outras empresas do mercado. 

6. Consulta automatizada via API

Uma APIs de consulta de dados permite que o software de gestão da sua empresa se comunique com outros produtos e serviços, automatizando diversos processos.

Então, além de consultar o CNPJ, a API também busca nos bancos de dados da Receita Federal outros detalhes como CPF, Inscrição Estadual, regime tributário, endereço, etc.

Dessa forma, a criação do cadastro dos fornecedores, empresas e clientes fica muito mais rápido e prático, eliminando várias tarefas repetitivas.

Leia também: Documentação de API de consulta de CNPJ e outros bancos de dados.

Agora que você já conhece as diferentes formas de consultar CNPJ, implemente uma dessas soluções como padrão para garantir que as tomadas de decisão da sua empresa sejam sempre acertadas. Bom trabalho!
Este artigo foi escrito por Gabriel Marquez, empreendedor e fundador da NFe.io, sistema de emissão de nota fiscal.

Fique bem informado dos acontecimentos do dia dia e sobre assuntos que somente aqui são abordados e destrinchados para você leitor estar sem bem informado e consumindo conteúdo de qualidade em nosso portal de conteúdo. Seja bem vindo ao Jornal Agora Brasil e fique a vontade

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 × dois =