Confira 5 dicas para ter uma cozinha mais funcional

Planejamento e simplicidade são essenciais para projetar uma cozinha funcional

A cozinha é um dos principais ambientes de uma casa; é lá onde preparamos refeições e passamos ótimos momentos com quem amamos. Porém uma cozinha, além de ser um lugar aconchegante, também pode ser funcional, onde todas as tarefas realizadas ficam mais práticas e fáceis. Existem vários truques e técnicas para transformar o ambiente usado para preparo de refeições e encontros sociais. Para isso, separamos algumas dicas para quem pretende ter uma cozinha funcional.

Tenha um bom planejamento inicial

A primeira dica para quem quer montar uma cozinha funcional é ter um planejamento desde o início. Cada centímetro pode fazer a diferença em uma cozinha pequena, e sair comprando os móveis e eletrodomésticos sem um planejamento prévio pode ser uma dor de cabeça na hora da montagem. O ideal é iniciar o projeto pela pintura, marcenaria, alvenaria, marmoraria e elétrica, para somente depois de tudo pronto verificar o espaço para os eletrodomésticos e demais componentes da cozinha.

Invista em móveis planejados

Uma das dificuldades em montar um ambiente é a escolha dos móveis, pois cada cozinha tem tamanhos e formatos diferentes, e encontrar móveis prontos que se encaixam pode ser muito difícil. A escolha de móveis planejados é muito eficiente nesse tipo de situação, pois, além de a pessoa escolher exatamente o tamanho que precisa, ainda tem muitas opções de cores, texturas, ornamentos, divisões internas e materiais. Isso vai garantir o aproveitamento máximo do espaço disponível. Uma ótima dica é investir em móveis verticais, para guardar panelas e demais utensílios no alto, ganhando muito espaço.

Invista em um conceito clean

É uma boa maneira de deixar uma cozinha funcional, apostando em um estilo mais simples e reduzindo o acúmulo de objetos e a mistura excessiva de elementos. Os estilos mais minimalistas são muito interessantes em uma cozinha funcional, pois priorizam a funcionalidade do ambiente e evitam distrações e a desordem na hora de realizar as tarefas.

Dê prioridade a materiais fáceis de limpar

Uma cozinha funcional precisa ser projetada para evitar que a faxina não seja algo muito complexo. Por isso, apostar em materiais de fácil limpeza, principalmente nos locais expostos a vapor, fumaça, respingo de água e resíduos de alimentos, pode fazer toda a diferença. A bancada e a pia, por exemplo, são locais que podem receber revestimentos resistentes a calor e umidade, facilitando sua higienização. Outra dica é usar azulejos e pisos sem relevos, pois são mais fáceis de lavar e evitam o acúmulo de sujeira.

Avalie o projeto de acordo com as suas necessidades

Um projeto de cozinha funcional tem que levar em conta primeiramente as necessidades de cada pessoa. Por exemplo, se a pessoa passa muito tempo cozinhando, planejar a área de trabalho perto de janelas com luz natural pode ajudar a economizar energia elétrica. A disposição dos eletrodomésticos também precisa ser levada em conta, para permitir o fácil acesso de acordo com as suas demandas. A distribuição de todos os componentes da cozinha, como fruteira, lixeira, armários, ferramentas manuais e utensílios, por menor que seja, faz toda a diferença na harmonização e funcionalidade do ambiente.

Fique bem informado dos acontecimentos do dia dia e sobre assuntos que somente aqui são abordados e destrinchados para você leitor estar sem bem informado e consumindo conteúdo de qualidade em nosso portal de conteúdo. Seja bem vindo ao Jornal Agora Brasil e fique a vontade

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro + cinco =