O que é Margem EBITDA? Como Calcular esse indicador?

A margem EBITDA é um indicador importantíssimo para quem deseja investir em ações de empresas.

O dado revela uma série de fatores que permite ao investidor fazer uma análise completa do potencial da empresa. A partir de então, poderá definir se vale a pena ou não fazer o aporte.

Nós vamos te explicar detalhadamente o que é e como usar a margem EBTIDA para que possa fazer os melhores investimentos para sua carteira de ativos.

Ebitda: o que é para que serve?

O Ebitda é um indicador usado para medir a quantidade de recursos que a empresa gera a partir de suas atividades principais.

Em português o Ebitda é conhecido como Lajida e significa “Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização”. Ebitda e Lajida são na realidade prática, o mesmo indicador.

Portanto, pode-se dizer que o indicador serve para mostrar ao potencial investidor se a empresa é capaz de fazer dinheiro.

Por isso, o interessado em comprar uma parte da empresa pode usar o indicador para verificar se as ações da empresa estão com preços adequados.

A partir do indicador, é possível comparar empresas do mesmo segmento e identificar quais são capazes de realmente gerar caixa para os investidores.

Por que se usa o Ebitda?

Até mesmo quando a empresa está endividada é possível usar o indicador para calcular se existe um bom potencial de lucratividade.

Dessa forma, o investidor consegue perceber se a organização das contas é capaz de fazer com que a empresa progrida. Ou ainda, se mesmo organizando as finanças do negócio a empresa continuará sem potencial de gerar caixa.

Portanto, é um fator muito relevante para calcular, tendo como objetivo facilitar a decisão sobre investir ou não em determinado negócio.

Como calcular o Ebitda?

Antes de mais nada, é interessante destacar que o interessado em comprar ações na bolsa consegue obter o Ebtida da empresa com facilidade nos demonstrativos de prestação de contas.

O Ebtida é um dado que deve ser calculado quando seu objetivo é comprar partes de empresas fora da bolsa de valores.

Justamente para que possa ter mais informações que comumente o atual dono do negócio não transmite com tanta clareza durante a negociação.

Quando o assunto é investir na bolsa de valores, lembre-se de não se apegar somente ao ebitda. Outros indicadores também precisam ser analisados.

O primeiro passo para calcular o Ebitda de uma empresa é descobrir o lucro operacional da empresa, que é conhecido também como a receita líquida menos as despesas que as empresas têm com a operação para seu funcionamento e com os custos das mercadorias que são vendidas pelo negócio.

Também é possível calcular somando o lucro líquido da empresa, Imposto de Renda do último ano, contribuição social, resultado financeiro líquido, depreciação e amortização.

A fórmula mais utilizada para calcular o Ebitda é:

  • Ebitda = Lucro operacional líquido + depreciações + amortizações

Portanto, é fundamental analisar todos os dados do negócio e definir se valerá a pena ou não realizar a transação. Para que possa identificar quais são os riscos envolvidos e qual a possibilidade de retorno que a empresa oferece.

Fique bem informado dos acontecimentos do dia dia e sobre assuntos que somente aqui são abordados e destrinchados para você leitor estar sem bem informado e consumindo conteúdo de qualidade em nosso portal de conteúdo. Seja bem vindo ao Jornal Agora Brasil e fique a vontade

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 × 2 =