Comedouro e bebedouro de pets: saiba como deve ser higienizado

Assim como para os humanos, a higienização do lugar onde os pets comem deve ser levada em consideração para evitar problemas de saúde

Quem possui animais em casa sabe o quão importante é cuidar bem do seu animal. Porém esses cuidados muitas vezes vão além de somente levar ele ao veterinário, cuidar da sua vacinação e dar ração de qualidade.

As coisas mais simples muitas vezes guardam grandes perigos. Uma delas é o lugar onde seu pet consome água ou comida. A higienização desses instrumentos acaba se tornando muito importante para que eles não acabem contraindo bactérias, ou alguma doença grave.

Segundo um estudo do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), publicado na revista científica Plos One, das 417 pesquisas sobre hábitos de tutores em relação a alimentação de cachorros, menos de 24% relataram higienizar de forma considerada adequada as vasilhas e os pratos onde seus animais comem.

Isso é um detalhe que deve ser levado em consideração, principalmente pelo fato que, apesar de algumas doenças relacionadas aos animais serem solucionadas com medicamentos como o Nexgard Spectra, algumas outras demandam bem mais atenção e até mesmo acompanhamento veterinário.

A má higienização destes recipientes pode aumentar a proliferação de bactérias e fungos, que podem fazer mal ao seu animal. Vale lembrar que isso não é somente para cachorros, mas também para outros tipos de pet, como hamsters, gatos, pássaros, e assim por diante.

Mas como lavar de forma adequada?

O recomendado é que as vasilhas, ou pratos, em que seu animal come sejam higienizados sempre após cada refeição, e o potinho de água, sempre que for trocada. Basicamente, segue a mesma forma que você lava as suas louças de casa, preferencialmente com detergente neutro sob água quente.

O ideal também é separar uma buchinha específica para limpar as louças do seu pet, pois ela acaba sendo uma grande aliada na higienização por captar mais sujeiras ao ser esfregada, e ajuda a desinfetar e também a retirar bactérias que possam ter ficado.

A água do seu pet deve ser trocada todos os dias, pois assim vai protegê-lo de bactérias nocivas à sua saúde e também oferecer um líquido mais fresco para o consumo.

Opte por bebedouros e comedouros de inox ou cerâmica

Uma ótima dica para facilitar a higiene destes lugares essenciais para seus pets é comprar bebedouros e comedouros feitos de cerâmica ou inox. Esses materiais tornam mais difícil a proliferação de bactérias e vermes, além de serem bem fáceis de limpar.

Bebedouros com filtro de carvão

Os bebedouros com filtro de carvão são melhores para a filtragem da água. Isso porque eles limpam a água ao longo do dia, e ainda contam com uma bomba que permite uma maior oxigenação, impedindo a proliferação de bactérias.

Bebedouros no estilo fonte para gatos

Já para os gatos o ideal é optar por bebedouros no estilo de fonte. Isso porque eles não gostam de água parada, e acabam não ingerindo líquidos ao longo do dia. Esse comportamento pode facilitar o desenvolvimento de doenças do trato urinário.

Profundidade do recipiente

E, por último, mas não menos importante, tome cuidado com a profundidade. Devido aos bigodes sensíveis dos gatos, opte por recipientes mais rasos. Para os cães, compre potinhos proporcionais ao porte do animal. No caso de um filhote, deve ser ainda maior, para que ele não se engasgue, ou acabe não se alimentando direito.

Fique bem informado dos acontecimentos do dia dia e sobre assuntos que somente aqui são abordados e destrinchados para você leitor estar sem bem informado e consumindo conteúdo de qualidade em nosso portal de conteúdo. Seja bem vindo ao Jornal Agora Brasil e fique a vontade

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − 4 =